Mariana Carvalho

(São Paulo, 1994)

Fiz bacharelado em piano na Universidade de São Paulo (2013-2017). Pesquisei eutonia e improvisação livre em iniciação científica (2016-2017) pela FAPESP, orientada por Rogério Costa. Faço parte da rede Sonora – músicas e feminismos (2016 -) e do NuSom – Núcleo de Pesquisas em Sonologia da USP (2017 -). Participo da Orquestra Errante, grupo de improvisação livre coordenado por Rogério Costa (2013 -). Tenho aulas eutonia e expressividade com Miriam Dascal (2014 -) e estudei piano e eutonia com Daniel Matos (2016). Integrei o Coro Profana, laboratório vocal (2014-2018), a Camerata Profana, coletivo de música contemporânea (2013-2017) e o núcleo performativo AANGA (2015-2016). Trabalhei com música para teatro na Lacuna Coletiva (2016-2017) e  no Club Noir (2015-2016).  Toquei no Brasil, Argentina e México.

//
Sou pianista, improvisadora e performer, envolvida com corpo, gênero e transdisciplinaridades. Experimento objetos dentro do piano e exploro corporalidades via eutonia. Interesso-me por tecer relações sonoras no espaço, instalações, corpos sonoros expandidos, improvisação livre, dança, voz.

//

Canal Youtube: https://www.youtube.com/channel/UC1OXMBAPWdDBN7BT7J4pewg